Gestão de Mídia: Google lança plataforma de notícias com assinatura

No último dia 20, o Google lançou um serviço de assinaturas para empresas de jornalismo. Google News Iniciative, as ações incluem mudanças na maneira como a plataforma apresentará conteúdo e financiamento de iniciativas contra desinformação, essa plataforma de assinatura funcionará de forma que a empresa entrará com tecnologia para tentar aumentar o número de pessoas que pagam por conteúdo jornalístico digital.

Qual o benefício?

Isso será feito de duas formas, a  primeira delas será um novo serviço vai permitir que o usuário assine uma publicação usando sua conta do Google, que o manterá logado em todas as plataformas desse veículo, e isso será cobrado das empresas em forma de mídia uma taxa de manutenção pelo uso da ferramenta, mas se recusou a dizer qual será.

“O que posso dizer é que será um modelo muito, muito generoso para o publisher”, afirmou Richard Gingras, vice-presidente de produtos noticiosos da companhia.

Também será inserido um local na busca para que os assinantes de determinado jornal possam ver em destaque o material produzido por aquele veículo.

A outra forma será para aumentar a cobrança por conteúdo digital diz respeito ao uso de tecnologia para indicar quem poderia ser um novo consumidor de determinado veículo. O Google afirma que entregará ao publisher dados que permitirão individualizar a tentativa de venda de seu conteúdo para cada pessoa.

Segundo o Google foi direcionado 10 bilhões de cliques por mês aos publishers em 2017 e distribuído às empresas de mídia US$ 12,6 bilhões –sua receita no ano passado foi de US$ 110 bilhões, e para eles conforme declara Bonita Stewart, vice-presidente de parcerias da empresa, o modelo apresentado em Nova York “funciona para o jornalismo, mas pode ser utilizado para qualquer coisa”.

E sobre os algorítimos?

Bom a informação é que tando Google como YouTube privilegiar conteúdo de fontes confiáveis especialmente em momentos de notícias quentes.

Dessa forma os anúncios trouxeram a identificação do que é o quê. Além de reforçar o investimento em educação midiática dos jovens, a empresa se comprometeu a trabalhar mais na identificação da chamada “mídia sintética”, como vídeos alterados digitalmente para fazer com que uma pessoa diga algo que não disse, e esforçar-se em melhorar a qualidade da informação médica entregue pela ferramenta de busca.

Nem precisamos dizer que o Google está aproveitando bem o momento de crise do Facebook né, o Google tenta se posicionar de maneira a reforçar as diferenças e minimizar as semelhanças em relação a seu maior competidor pela publicidade digital.

A Mídia Digital está em alta no mercado e só tem a crescer pois é o futuro, e estamos em um momento de grande oportunidades, o curso de Formação em Marketing Digital – Gestão de Mídia, saiba que o nosso curso é certificado com 25h e ensina na prática!

A Formação em Marketing Digital – Gestão em Mídia é um curso prático onde você irá aprender todas as táticas de criação de anúncios, gerenciamento, acompanhamento, métricas, mensuração, análise e avaliação de:

Pode conferir mais acessando esse link http://bit.ly/2vRB5Cy

Facebook Ads

Instagram Ads

Twitter Ads

LinkedIn Ads

Google Adwords / YouTube Adwords

Waze Ads

E ainda levará como bônus o conhecimento em novas tendências em nova mídias digitais.

A quem se destina

  • Estudantes das áreas de marketing, publicidade, jornalismo e comunicação;
  • Profissionais de marketing e publicidade;
  • Gestores e empreendedores que já atuam na Internet mas que desejam se aperfeiçoar.

PARA MAIORES INFORMAÇÕES:

(62) 99699-1381 / 98257-1343 ou contato@comunicando.net.br

Post Autor: Comunicando

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *