COMUNICANDO: 4ALL vem conhecer o novo app brazuca

Mais uma da sessão “o que é bom a gente copia e compartilha”, vamos falar agora de 4ALL, o primeiro super-aplicativo nacional e forte candidato ao posto de unicórnio daqui alguns anos, confira abaixo matéria completa do site StartSe.

José Renato Hopf é um empreendedor famoso no Rio Grande do Sul, principalmente por ter fundado a GetNet, uma das melhores alternativas ao duopólio de Rede e Cielo, que posteriormente seria vendida para o Banco Santander em uma operação bilionária – um dos poucos “unicórnios verdes-amarelos”.

Famoso com a execução passada e com recursos para, Hopf embarcou em um novo projeto: a 4All, o primeiro super-aplicativo nacional – forte candidato ao posto de unicórnio daqui alguns anos. Passou um tempo no Vale do Silício, estudou muito esse novo mundo que está surgindo e no qual a tecnologia é primordial. Decidiu criar algo que trouxesse o mundo real para o digital. É isso que pretende com a 4All, nas palavras do próprio José Renato: “é digital, mas é real também”.

Nesse processo de aprendizado, ele tentou entender a fundo no que o mundo está se transformando nos próximos anos. “Eu acredito na construção da ideia, o que surge e a gente vai aprendendo. Estudamos muito para chegar até aqui, não foi uma mera genialidade surgida em uma mesa de bar”, contou no lançamento do aplicativo, em uma famosa casa de Porto Alegre. O evento contou com a Fernanda Lima e pode demonstrar o potencial do aplicativo para o público presente.

A história recente mostrou dois grandes momentos de mudança: o surgimento da internet na década de 90 foi o primeiro – e grandes empreendedores surgiram ali. “O que marcou muito a gente foi a nova revolução digital. Na década de 90 teve um grande impacto, com grandes empresas sendo criadas, principalmente no ramo do e-commerce. Amazon, eBay, começaram ali”, destaca o empresário gaúcho.

O segundo é o que estamos vivendo hoje, com a digitalização crescente de cada ação humana – poder dado por conta do mobile. “Hoje é o grande boom de algo que não conseguimos definir em uma palavra. Então apelidamos de new digital. Um novo posicionamento de mercado que tem como base o smartphone”, conta o empreendedor, que resolveu embarcar neste momento.

Aí a oportunidade se desenhou na frente: a dificuldade de muitas empresas tradicionais de se envolverem em um mundo diferente do que elas atuavam. “Todas as empresas estão em dúvidas se estão enfrentando um gap digital. Os aplicativos só circulam na camada digital, mas não entram ali. As grandes empresas não conseguem se tornar totalmente digitais”, explica José Renato.

Para tal nasceu a 4All, com o intuito de levar as empresas para dentro de um aplicativo, simplificando como as mais diversas operações são feitas: centralizando-as em um único aplicativo. “Ninguém se preocupou em fazer algo para resolver o problema do gap digital. Aí que surgiu a oportunidade de fazer algo all-in-one. Estamos fazendo algo que ninguém fez”, conta.

Para objetivo tão ambicioso, o aplicativo precisa ser muito completo – por isso seu nome, o 4All, Para Tudo, em inglês. “A gente buscou conectar momentos. Mas quais momentos? Todos. Se fosse só alguns era fácil de copiar. O grande desafio para gente é conectar todos”, explica. Isso significa que você poderá fazer diversas coisas dentro do aplicativo: pagar estacionamento no shopping, marcar um horário para cortar cabelo, pedir delivery de comida, reservar uma mesa em um restaurante, colocar dinheiro no bilhete de transporte público. Tudo.

Assim, na cabeça do usuário, passa a ser: “preciso fazer alguma coisa, vou usar o aplicativo da 4All”, eliminando as dezenas de aplicativos que usamos, cada um para um objetivo. “Nós buscamos ajudar as empresas tradicionais a ir para o digital. A nossa plataforma permite que empresas tradicionais conversem com o mundo digital”, salienta.

Fonte: StartSe

Post Autor: Comunicando

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *