20160225113244 660 420

De acordo com um documento da Securities and Exchange Comission (SEC) dos Estados Unidos, o CEO do Facebook vendeu, na última sexta-feira, cerca de 768 mil ações suas do Facebook por US$ 95 milhões. A venda só foi revelada agora por causa do esquema de negócios usado por Zuckerberg para evitar problemas com informações privilegiadas, segundo o Recode.

Essa venda, contudo, não foi simplesmente uma forma de liquidar dinheiro. Os 95 milhões foram destinados à Chan Zuckerberg Iniciative, uma iniciativa anunciada por Zuckerberg e sua esposa em dezembro de 2015, quando do nascimento de sua primeira filha. A iniciativa tem o objetivo de “desenvolver o potencial humano e promover igualdade para todas as crianças da próxima geração”.

Investindo no futuro

No momento do anúncio, o CEO do Facebook prometeu que, ao longo de sua vida, doaria 99% de suas ações da empresa para essa iniciativa. A Chan Zuckerberg Iniciative deverá usar o dinheiro para investir em programas de saúde pública, educação e pesquisa. Por ora, contudo, a iniciativa ainda não se pronunciou sobre como pretende usar o dinheiro.

Trata-se de uma questão importante. Isso porque, diferentemente de instituições de caridade – que pela lei dos EUA precisam usar todo seu dinheiro em ações sociais – a Chan Zuckerberg Iniciative, por ser uma “sociedade limitada”, pode gastar seu dinheiro da maneira como desejar. Ainda segundo o recode, Mark Zuckerberg chegou a mudar a estrutura acionária do Facebook para poder vender suas ações sem perder controle da empresa

De acordo com o The Next Web, ainda que a iniciativa não tenha anunciado o que fará com esse dinheiro, ela já vem investindo em um projeto. Trata-se da Andela, uma startup de educação cuja missão é reduzir a diferença de acesso a tecnologia entre países desenvolvidos e países em desenvolvimento.

 

Fonte: Olhar Digital

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *